Casa Fernando Pessoa apresenta “Vozes da literatura portuguesa” no Brasil

Rio de Janeiro – A proposta da Casa Fernando Pessoa é apresentar no Brasil as várias sensibilidades literárias que marcam o Portugal de hoje. Ao longo desta semana um grupo de cinco escritores portugueses irá participar em debates em São Paulo, em Porto Alegre e no Rio de Janeiro, para “estabelecer um panorama vasto e contrastado de tendências e estilos”, segundo indica a diretora da Casa Fernando Pessoa, Inês Pedrosa.

A programação começa dia 21 de maio, em São Paulo. Na Biblioteca Mário de Andrade, irão analisar o panorama literário português Lídia Jorge, Patrícia Reis e Rui Zink, com moderação de Inês Pedrosa. A diretora da Casa Fernando Pessoa irá depois para o SESC Consolação, onde às 20h Gastão Cruz, José Luis Peixoto e Lídia Jorge participarão em mais um debate.

Segundo Inês Pedrosa, “a Casa Fernando Pessoa tem procurado aproximar as várias literaturas de expressão portuguesa e, em particular, estreitar laços com o Brasil”. Não por acaso, diz a escritora portuguesa, “Pessoa fez com que o seu Ricardo Reis escolhesse o Brasil (ao qual ele próprio nunca aportou) como pátria alternativa”.

“Temos realizado inúmeras maratonas de leitura e colóquios sobre os grandes clássicos da literatura brasileira, e festivais literários com poetas e ficcionistas do Brasil contemporâneo. Temos dado a ouvir a música do Brasil e mostrado o seu cinema. Agora, levamos ao Brasil uma selecção de poetas e romancistas que falam dos muitos Portugais que hoje existem, vertiginosamente, neste território através do qual a Europa interroga o mar e a distância”, declarou a diretora da Casa Fernando Pessoa, citada numa nota veiculada pela Biblioteca Mário de Andrade.

Após os debates desta terça-feira em São Paulo, os escritores lusos rumam a Porto Alegre. Dia 23, estarão na PUC e no Instituto Estadual do Livro, segundo a programação do evento disponibilizada no site do Ano de Portugal no Brasil.

A digressão dos escritores portugueses pelo Brasil termina no dia 25, quando participarão de mais um debate no Instituto Moreira Salles, no Rio de Janeiro.

Fonte: portugaldigital