A EUBrasil conta com um grupo de 33 “Membros Parlamentares”

A EUBrasil conta com um grupo de 33 “Membros Parlamentares”

Desde outubro passado, 33 representantes do Parlamento Europeu aderiram à EUBrasil como “Membros Parlamentares”. Trata-se de: Antonello Antinoro (italiano, grupo PPE, delegação Mercosul), Hans van Baalen (holandês, grupo ALDE, presidente deleg. Japão e presidente da Internacional Liberal), Ivo Belet (belga, grupo PPE, vice-presidente deleg. Sudeste asiático), Luis M. Capoulas Santos (português, grupo S&D, 1° vice-presidente deleg. “Eurolat”), Sergio Cofferati (italiano, grupo S&D, comissão Emprego), António F. Correia de Campos (português, grupo S&D, com. Mercado interno), Viorica Dancila (romena, grupo S&D, com. Agricultura), Mário David (português, grupo PPE, presidente deleg. Mashrek), Edite Estrela (portuguesa, grupo S&D, vice-presidente com. Direitos da mulher), José Manuel Fernandes (português, grupo PPE, com. Desafios políticos / recursos orçamentais UE sustentável), Ilda Figueiredo (portuguesa, grupo GUE, vice-presidente com. Emprego), Christofer Fjellner (sueco, grupo PPE, com. Comércio internacional), Béla Glattfelder (húngaro, grupo PPE, com. Agricultura), Robert Goebbels (luxemburguês, grupo S&D, vice-presidente deleg. Sudeste asiático), Nathalie Griesbeck (francesa, grupo ALDE, com. Liberdades cívicas), Rodi Kratsa-Tsagaropoulou (grega, grupo PPE, vice-presidente do Parlamento Europeu), Wolfgang Kreissl-Dörfler (alemão, grupo S&D, com. Assuntos externos), Antonio López-Istúriz White (espanhol, grupo PPE, secretário-geral do Partido Popular Europeu), Barbara Matera (italiana, grupo PPE, vice-presidente com. Direitos da mulher), Nuno Melo (português, grupo PPE, vice-presidente deleg. Mercosul), Emilio Menéndez del Valle (espanhol, grupo S&D, com. Comércio internacional), Vital Moreira (português, grupo S&D, presidente com. Comércio internacional), Maria do Céu Patrão Neves (portuguesa, grupo PPE, com. Pescas), Gianni Pittella (italiano, grupo S&D, 1° vice-presidente do Parlamento Europeu), Vittorio Prodi (italiano, grupo S&D, deleg. Mercosul), José I. Salafranca Sánchez-Neyra (espanhol, grupo PPE, co-presidente da Assembléia Parlamentar Euro-Latino-Americana), Martin Schulz (alemão, presidente do grupo S&D), Csaba Tabajdi (húngaro, grupo S&D, com. Agricultura), Nuno Teixeira (português, grupo PPE, deleg. Mercosul), Britta Thomsen (dinamarquesa, grupo S&D, deleg. Mercosul), Gianni Vattimo (italiano, grupo ALDE, deleg. América Central), Renate Weber (romena, grupo ALDE, deleg. “Eurolat”) e Luis Yáñez-Barnuevo García (espanhol, grupo S&D, presidente deleg. Mercosul).

“A adesão à EUBrasil, em tempos breves, de um número elevado de parlamentares europeus, a qualidade e o prestígio dessas adesões, são uma nova demonstração – em palavras de Luigi Gambardella, presidente da EUBrasil – do forte interesse para com a nossa Associação, assim como da vontade “política” de muitos parlamentares europeus em promover uma relação cada vez mais forte entre a Europa e o Brasil. São mais de vinte os diálogos setoriais entre as duas áreas, entre os quais destacam a energia, as telecomunicações, os transportes e o DPI. Já instalado o novo Congresso Nacional, iniciaremos a campanha de adesões dos parlamentares brasileiros interessados em desenvolver uma relação mais estreita do Brasil com a Europa”.

Franco Perroni tem a responsabilidade de acompanhar os parlamentares europeus e os membros do Congresso Nacional que aderirão à EUBrasil.